22/03/2022
Tokenização imobiliária

Compartilhe

A tokenização de ativos significará uma disrupção do mercado imobiliário. A negociação de tokens atende a necessidade de capitalização das incorporadoras, sobretudo em fases iniciais dos projetos. E, ao mesmo tempo, satisfaz o grande público de consumidores, ávido por adquirir imóveis em fase de construção. Contudo, quando não dispondo de recursos para adquirir unidades inteiras, agora poderá os comprar de maneira fracionada, em tokens. Sem contar com a diminuição absurda da burocracia na hora de comprar ou vender um imóvel.

O significado de tokenização

Tokenização é a criação de ativos digitais que representam outros ativos, sejam virtuais ou reais. Eles rodam na tecnologia blockchain (mundialmente conhecida quando surgiu com o Bitcoin), sendo utilizadas para melhorar auditoria e segurança de informação em vários mercados.

Os benefícios da tokenização vão muito além da segurança, e podem trazer grandes economias de gestão, pois quando programados, geram contratos inteligentes onde processos são altamente automatizados. Isso faz com que se reduza custos, estreitando a distância entre os negócios, compradores e os investidores.

A tokenização no mercado imobiliário

O mercado imobiliário está vivenciando um cenário de franca disrupção. Produtos inovadores, funding diversificado, e o impacto da economia compartilhada e colaborativa tornam a estruturação jurídica de projetos imobiliários cada vez mais desafiadora.

Ao tokenizar um ativo imobiliário, um proprietário pode dividir seu bem físico em ativos digitais, correspondendo a uma fatia do imóvel, e pode negociá-lo na quantidade que desejar. Exemplo: um imóvel de 500 mil reais, pode virar 500 mil tokens de R$ 1,00, que serão negociados no mercado, através de diversas plataformas no mundo do blockchain, a critério do emissor dos tokens.

Com isso, poderá permitir a empreendedores imobiliários, como construtoras e incorporadoras, ter mais agilidade para lançar novos empreendimentos. E vai facilitar a estruturação do negócio e do capital de uma maneira descentralizada e democrática, sem as burocracias e dificuldades do mercado financeiro e de crédito.

Momento atual: estamos no início da curva de aprendizado

Atualmente, as empresas que se aventuram nesse modelo prometem prover a liquidez necessária se o investidor desejar se desfazer da posição a qualquer momento. Contudo, a expectativa é de que futuramente, com o crescimento dessa modalidade, as próprias corretoras de criptomoedas assumam esse papel.

Falando em aspectos legais, a comercialização de tokens imobiliários opera sem regulação, pois ainda não conta com aval formal da Comissão de Valores Mobiliários (CVM). No entanto, especialistas defendem que esses ativos não adotam estrutura de equity nem de dívida, e por isso seriam enquadrados apenas como negócios imobiliários. 

Mesmo assim, o mercado imobiliário passa por um boom de inovação tornando um ambiente suficientemente garantido para apostar nesse modelo. Especialistas acreditam que ele deve deslanchar à medida que os investidores passem a conhecê-lo melhor, incluindo o investimento em criptomoedas.

Já existem projetos imobiliários lançados nesse modelo?

Existem empresas do mercado imobiliário que já lançaram empreendimentos apostando nesse modelo. Exemplo da incorporadora Bravo, que lançou projetos na ordem de 14 milhões de reais em 2021. E ela não vai para por aí, pois já existem estudos para lançar outros 100 milhões de reais para 2022. Com cifras assim de apenas um exemplo, já podemos dizer que a tokenização no mercado imobiliário é uma realidade.

E o futuro da tokenização, qual será?

Temos algumas perguntas a serem melhor respondidas quando tratamos esse assunto, como por exemplo: como acontece a saída de uma compra de tokens se você quiser ser realmente o dono do imóvel, ou como serão as leis regulatórias. Porém, quando se utiliza uma tecnologia, que pode ajudar a eliminar burocracias de contratos convencionais, acelerar negócios e principalmente baratear investimentos (tanto para venda, quanto para captação de recursos), parece ser muito promissor.

0 comentários

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *