11/02/2022
Como preparar o imóvel para uma vistoria?

Compartilhe

Sabemos que uma das etapas que mais geram conflitos entre locadores e locatários é o momento da entrega do imóvel (ao fim do seu contrato de locação). É nessa etapa que a vistoria entra em ação. Ela é responsável por vistoriar o imóvel, com o objetivo de garantir que ele esteja nas mesmas condições iniciais do contrato de locação. Hoje, vamos comentar sobre algumas boas práticas que podem ajudá-lo a preparar o seu imóvel para a vistoria.

Então quais são os passos importantes para vistoria de um imóvel? Onde devo me atentar?

Documentação

Uma ação simples, mas que pouca gente acaba fazendo é olhar os documentos da vistoria inicial feita no imóvel. É com base nesse documento que você poderá entender quais são as expectativas de condições de entrega que seu imóvel deverá estar. Esses são registros importantes para os proprietários também, pois contam a linha do tempo do imóvel, de locação para locação. Portanto, ter o documento em mãos é o primeiro passo para manter a integridade entre os locadores e locatários,  garantindo que nenhuma cobrança incongruente seja realizada por qualquer uma das partes.

Pintura e reparos

Pintura e reparos gerais. Comumente um dos pontos em que a maioria das vistorias acaba encontrando falhas. Muitos acabam realizando esse serviço por conta própria, o que nós não recomendamos, a menos que tenha experiência ou seja um profissional do ramo. Para evitar que seu imóvel deva ser pintado novamente, busque realizar um orçamento e o posterior serviço com profissional de confiança (ou oriundos de indicação das imobiliárias ou locatários). Pintar e reparar parecem, até certo ponto, tarefas fáceis. No entanto, elas exigem destreza e conhecimento para que sejam executadas de maneira correta.

Mobília

Outro ponto que também merece destaque é a mobília do imóvel. Procure ver se houve avaria em alguma mesa, cadeira, bancada, etc. Muitos imóveis que possuem mobílias de MDF acabam absorvendo umidade ao longo do tempo, o que causa inchaço e a consequente danificação. O recomendado é trocar essas chapas que estão avariadas, um reparo que poderá ser mais barato do que trocar toda a mobília danificada.

Hidráulica e Elétrica

Recomendamos também que você verifique a parte elétrica e hidráulica do imóvel. Certifique-se que todas as tomadas estão funcionando (a depender do memorial de vistoria inicial), bem como os interruptores. Já na parte hidráulica, procure ver se as torneiras e pias estão com fluxo normal de águia ou se não há vazamentos em canos ou juntas aparentes. No entanto, é extremamente importante ressaltar que em casos de necessidade de reparo para essas condições, busque um profissional capacitado. Além disso, o risco de acidentes domésticos, há ainda, a possibilidade de agravar a situação do dano.

Conclusão

Sei que já falamos algumas vezes sobre, mas caso algum dos itens acima apresente a necessidade de manutenção, busque um profissional da área para realizar a prestação do serviço à você. Priorize sempre a sua saúde e segurança!

“Mas não conheço ninguém que presta esse tipo de serviço”. Sem problemas! Primeiro passo é perguntar para pessoas próximas sobre recomendações desse tipo de serviço, com certeza elas saberão indicar alguém que prestou um bom serviço. Sem recomendações? Tudo bem! Com o advento da tecnologia, diversos aplicativos e sites de prestação de serviços de reparo, manutenção e limpeza surgiram, virando uma boa opção para quem busca esse tipo de serviço também!

Gostou? Para mais informações e conteúdos como esse siga a Lidderar nas redes sociais.

0 comentários

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *